Estudos da OCDE sobre competências – Competências para o progresso social: O poder das competências socioemocionais

Estudos da OCDE sobre competências - Competências para o progresso social: O poder das competências socioemocionais

Organização: OCDE

Edição: Fundação Santillana

Parceria: Instituto Ayrton Senna

Ano: 2015

O relatório identifica perspectivas promissoras para um desenvolvimento socioemocional efetivo, e propõe métricas

Este relatório sintetiza três anos de pesquisas analíticas realizadas sob patrocínio do projeto Educação e Progresso Social (ESP, sigla em inglês), vinculado ao Centro para Pesquisa e Inovação Educacional (CERI, sigla em inglês) da OCDE.

Inclui revisões da literatura, análises empíricas de dados longitudinais e uma revisão de políticas e práticas nos países da OCDE e parceiros econômicos. O relatório identifica perspectivas promissoras para um desenvolvimento socioemocional efetivo. Entre elas, a promoção de estreitos relacionamentos entre educadores e crianças, mobilizando exemplos da vida real e experiências práticas nas atividades curriculares existentes, bem como enfatizando uma aprendizagem por meio de atividades extracurriculares.

As melhoras de aprendizado podem não exigir grandes reformas ou recursos. Podemos iniciar esse processo adaptando a forma de apresentação das atuais atividades curriculares e extracurriculares.

Além disso, este relatório mostra que as competências socioemocionais podem ser mensuradas significativamente dentro das fronteiras culturais e linguísticas. Essas medidas podem ser importantes para ajudar os tomadores de decisão a avaliar melhor os atuais conjuntos de competências das crianças e suas futuras necessidades, auxiliando professores e pais a adaptar de forma eficaz a pedagogia e os ambientes familiares e de aprendizagem.